O corte da carne significa muito!

No Brasil, as classificações dos cortes são em três tipos, que demonstram sua qualidade: De primeira, de segunda e de terceira.

A principal diferença entre elas, é a quantidade de nervos ou gordura. Sendo algumas partes do boi mais duras e com maior concentração desses dois ingredientes, a classificação também vai das mais macias para as mais duras.

Cortes de primeira
Os cortes de primeira são as partes menos usadas do boi, e por isso mais macias! São eles: Filé, filé mignon, picanha, alcatra, maminha, patinho, coxão duro, coxão mole e lagarto.

Cortes de segunda
Carnes de segunda são mais populares e vem de partes mais expostas do boi. Entre eles, estão: Peito, cupim, acém, braço ou paleta, músculo, capa de filé, aba de filé, filé de costela e fraldinha.

Cortes de terceira
Cortes de terceira, são aqueles que apresentam uma camada extra de tecido conjuntivo, com uma maior quantidade de nervos e gordura. Costumam ser: Pescoço, ponta de agulha e músculo!

Viram como nem tudo é maciez ou dureza de forma única? A região do boi de onde a carne é retirada, conta muito! Por isso, é importante conhecer as propriedades de cada uma das peças, mas isso é assunto para outro artigo!
Não se esqueça de nos seguir pelo Facebook e Instagram!

Compartilhar:
error: