O curioso churrasco uruguaio

São muitos os países que são apaixonados pelo churrasco, os Estados Unidos, a Argentina, nós aqui no Brasil e muitos outros conhecemos o quão delicioso é queimar carne. Porém, são poucos que fazem um churrasco tão gostoso quanto o do Uruguai.

Muito antes de começar o preparo da carne, já podemos perceber o cuidado uruguaio. Há décadas que os animais para abate do país são considerados de alta qualidade por conta das raças utilizadas, como a Angus, do não uso de antibióticos e hormônios e, finalmente, do controle rigoroso dos frigoríficos.

Como resultado, nossos vizinhos tem uma carne excelente que torna cortes pouco comuns no Brasil muito apreciados por lá. Uruguaios não costumam ter tanta preocupação com peças mais macias, por exemplo. Todo o animal tende a ter uma consistência mais suave.

Há alguns anos, inclusive, ninguém comia a picanha no Uruguai. Um dos cortes mais comuns por lá é o asado de tira, um corte horizontal da costela do boi. Outro muito apreciado é o bife ancho, um corte transversal no ancho do animal.

Por ser um país um tanto mais frio que o Brasil, as bebidas que costumam acompanhar o famoso churrasco uruguaio não são a cervejinha gelada que tanto amamos por aqui, mas vinho e uísque. Até porque os hermanos não estão para brincadeira.

Tudo isso, no entanto, não os livra de algo que nós do Espettoria acreditamos ser um erro muito sério: acredita que os uruguaios não costumam ter nenhum espetinho no churrasco? Por essas e outras que nós não abrimos mão de nosso churrasco carioca delicioso.

Se você, assim como a gente, também é apaixonado por carne, continue lendo nossos artigos, curta nossa página no Facebook e nos siga no Instagram. Estamos sempre postando mais curiosidades sobre o churrasco para você conhecer.

Compartilhar:
error: