Toda carne é menos saudável?

Com a crescente rejeição aos produtos animais por causa do ascensão do veganismo, a carne vermelha têm sido cada vez menos compreendida, e frequentemente associada com problemas de saúde e muitos adjetivos fantasiosos sobre como ela é prejudicial, o que se for verificado de forma científica e precisa, se revela como um grande equívoco!

1 – Proteína gera proteína.

Tecido animal é proteína pura, e a carne de vaca cozida, é composta por volta de 30% de proteína magra. A proteína animal, costuma ser de alta qualidade e contém certa de 8 aminoácidos essenciais para o crescimento e manutenção do nosso corpo. O perfil de aminoácidos da carne, tem uma composição quase idêntica ao dos nossos próprios músculos, por isso ela é muito recomendada para o pós operatório, atletas em recuperação ou situações onde se visa formar massa muscular.

2 – Melhor desempenho físico.

Um aminoácido dietético abundante na carne é a beta-alanina, principalmente em carne bovina e de peixe. A carnosina, formada a partir da beta-alanina, têm sido associada com a redução da fadiga e melhora do desempenho em exercícios. Isso significa que a ingestão de carne e peixe regularmente, melhora muito a rotina de quem adota a prática!

3 – Gordura de carne vermelha é milagrosa!

Animais ruminantes como vacas e ovelhas, produzem um tipo de gordura conhecida como “gordura trans ruminante”. Ao contrário da gordura industrial, ela é natural desses animais, e não é considerada insalubre. Seu formato mais comum, o ácido linoleico conjugado (CLA), é constantemente associado com perda de peso e melhora da saúde! Porém, ele deve ser consumido com moderação.

Esse foi o nosso artigo! Gostou dele? Então continue conhecendo o nosso site e não deixe de nos seguir pelo Facebook e Instagram!

Compartilhar:
error: